EUA usaram novo sistema para derrubar drone iraniano

Light Marine Air Defense Integrated System LMADIS
Light Marine Air Defense Integrated System (LMADIS)

O novo sistema anti-drone dos Fuzileiros Navais dos EUA foi usado para derrubar o drone iraniano no Estreito de Ormuz, na quinta-feira (18/07/2019).

O Sistema Integrado de Defesa Aérea Marítima da Marinha (LMADIS) interceptou e destruiu o drone iraniano que o governo Trump disse ter voado a menos de 900 metros de um navio de guerra da Marinha dos EUA, disse um oficial de defesa ao Military.com.

O site militar relata que a 11ª Unidade Expedicionária de Fuzileiros da Califórnia, que inclui cerca de 2.200 fuzileiros navais, se deslocou para o Oriente Médio com o LMADIS.

Acredita-se que o LMADIS use radar e câmeras para escanear o céu visando detectar drones e os diferenciar entre sistemas amigáveis e hostis.

Quando uma ameaça é localizada, o sistema aproveita as frequências de rádio para interferir no drone, informou o C4ISR.

O sistema é instalado em veículos off-road da MRZR e normalmente usado no solo, mas recentemente a Marinha americana o testou em navios.

“Os EUA se reservam o direito de defender pessoal, instalações e interesses”, disse o presidente Donald Trump na semana passada, acrescentando que a ação do Irã era “hostil” e ameaçava a segurança do navio americano e de sua tripulação.

LMADIS-abordo-do-USS-Kearsarge
LMADIS abordo do USS Kearsarge

Segundo a Military.com, imagens do Corpo de Fuzileiros Navais mostraram que a 22ª Unidade Expedicionária de Fuzileiros da Carolina do Norte também usou o LMADIS no navio de assalto anfíbio Kearsarge durante um trânsito pelo Canal de Suez.

Um comentário em “EUA usaram novo sistema para derrubar drone iraniano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *